PROFESSOR INICIANTE: DESAFIOS E COMPETÊNCIAS DA CARREIRA DOCENTE DE NÍVEL SUPERIOR E INSERÇÃO NO MERCADO DE TRABALHO

Valéria Christina Parreiras Costa Bouzada, Zélia Miranda Kilimnik, Luiz Cláudio Vieira de Oliveira

Resumo


Este trabalho analisou desafios e dificuldades de docentes de nível superior, em início de carreira, para inserção no mercado de trabalho, identificando as competências necessárias. Neste estudo de natureza qualitativa, foram realizadas entrevistas individuais com profissionais iniciantes (com até seis anos de atuação). A base teórica provém de Huberman (1995), Saviani (1996), Gauthier (1998), Perrenoud (2000), Zarifian (2001), Pachane (2003) e Veiga (2008). São fatores para ingresso na carreira acadêmica: busca de melhor qualidade de vida; complementação orçamentária; histórico familiar; gosto pela transmissão de conhecimentos. Os problemas indicados relacionam-se à falta de prática acadêmica e de estabilidade na profissão. A inserção do docente no mercado acadêmico necessita de network e de contínua atualização. Muitas vezes, a docência não é a primeira escolha profissional, ocorrendo de forma aleatória. Assim, o conjunto da prática docente fica comprometido pela falta de experiência, de preparação acadêmica do docente e de respaldo institucional. Sugere-se aprimoramento das competências técnicas, inerentes à função, e desenvolvimento de competências de natureza comportamental e teórico-metodológica. Consensualmente, apontou-se que a docência proporciona status ao professor universitário.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20503/recape.v2i1.9336

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.