Estado e cinema: a produção cinematográfica na Era Vargas

Gustavo Batista Gregio, Sandra de Cássia Araújo Pelegrini

Resumo


O artigo procura discutir as políticas públicas estruturadas para a produção cinematográfica durante o governo de Getúlio Vargas, entre os anos de 1930 a 1945, período compreendido como a Era Vargas. Para tanto, analisamos como os intelectuais e artífices, especialmente os membros do movimento Modernista, influenciaram nos ideais do Estado na construção de uma nova identidade nacional e como o cinema assumiu um caráter pedagógico, se tornando importante instrumento de propaganda e difusor da ideologia nacionalista, sobretudo, após a implantação da ditadura do Estado Novo em 1937.

Palavras-chave


História; Cinema; Política; Era Vargas

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.