OS EGRESSOS NO PROCESSO DE AVALIAÇÃO

Maria do Socorro da Costa Coelho, Ney Cristina Monteiro de Oliveira

Resumo


O presente estudo tem como objetivo contribuir com a reflexão sobre a importância dos egressos no processo de avaliação institucional. Nele foi analisado “O Projeto de Interiorização da UFPA” desenvolvido no interior do Pará, onde foram ofertados Cursos de Licenciatura Plena visando qualificar os professores leigos. A investigação foi realizada no Campus do Tocantins, Município de Cametá- Pará, respondendo às questões: Qual a importância dos egressos no processo de avaliação dos cursos de Licenciatura? Quem são os egressos oriundos do Projeto de Interiorização da UFPA no Campus do Tocantins, no período entre 1992 e 2004? Como os egressos absorvidos no mundo do trabalho local avaliam a formação recebida e a gestão do projeto no município? A abordagem metodológica foi quantiqualitativa; o banco de dados totalizou, dentro do recorte temporal para a pesquisa, 672 egressos atuando profissionalmente em Cametá. O universo foi de 373 egressos, dos quais se extraiu 30%, como amostra inquirida por questionários, somados a cinco entrevistas.

Palavras-chave


Egressos - Avaliação Institucional - Política de Interiorização

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais