A CONCEPÇÃO FREIREANA COMO APORTE PARA A FORMAÇÃO PERMANENTE DE PROFESSORES DE EJA

Suzi Laura Cunha, Nadir Castilho Delizoicov

Resumo


Apresenta-se neste trabalho resultados de pesquisa que investigou o processo de formação permanente de professores de Educação de Jovens e Adultos (EJA) ocorrido no município de Chapecó, no período de 1997 a 2004. Esse processo foi desenvolvido a partir dos princípios da concepção freireana de educação, durante o Movimento de Reorientação Curricular da Rede Municipal de Educação. O objetivo da pesquisa constituiu-se em apontar limites e possibilidades da formação permanente dos professores. Trata-se de estudo de abordagem qualitativa que teve o questionário e a entrevista semiestruturada como instrumentos para a coleta de dados, junto a professores e coordenadores da EJA. A análise indicou que a formação permanente possibilitou ao grupo de professores a incorporação de práticas freireanas no fazer docente. Os dados da pesquisa também indicaram limites e dificuldades enfrentados na implementação do processo de formação, tais como a resistência a mudanças por parte de alguns professores, a avaliação e a forma como a proposta foi implantada pelos gestores.


Palavras-chave


EJA; formação permanente; concepção freireana de educação

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais