SUBJETIVIDADE E FORMAÇÃO DE PROFESSORES: ALGUMAS REFLEXÕES A PARTIR DA PSICOLOGIA ANALÍTICA

Vânia Medeiros Gasparello

Resumo


Este artigo explora alguns aspectos da psicologia analítica de Jung que podem contribuir para se pensar uma formação dos professores que tenha como preocupação, também, a dimensão subjetiva do docente e dos alunos. Inicialmente são ressaltadas a importância e atualidade da obra de Jung, um autor pouco conhecido na literatura educacional, relacionando seu pensamento com as abordagens inter e transdisciplinares em educação. Defende a idéia de que sua teoria contribui na busca de caminhos de transformação do sujeito na sociedade ocidental. Os conceitos de processo de individuação, padrões de comportamento arquetípicos, linguagem simbólica, inconsciente pessoal e coletivo, funções da consciência, são os mais valorizados nessa tentativa de reflexão sobre a dimensão subjetiva na formação/transformação do professor e do aluno no ambiente educativo.

Palavras-chave


Subjetividade. Formação do Professor. Transformação. Processo de Individuação. Linguagem Simbólica.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais