O ESTUDO DA LINGUAGEM EM SEU CONTEXTO SOCIAL: UM DIÁLOGO ENTRE BAKHTIN E LABOV

Cristine Gorski Severo

Resumo


Apesar de os dois teóricos sociais da linguagem, Bakhtin e Labov, serem oriundos de tradições diferentes – filosófica e empírica, respectivamente –, o artigo mostra a comparabilidade das duas abordagens, em termos de aproximações e distanciamentos, em relação aos seguintes aspectos: (i) “teoria sociológica”; (ii) metodologia de pesquisa e visão de sujeito; (iii) variação/mudança lingüística e variação estilística; e (iv) relação estabelecida entre língua, sociedade e identidade. Conclui-se que uma abordagem que articule as duas teorias é viável desde que a concepção de língua adotada relacione, intrinsecamente, o funcionamento da língua, a questão da identidade e o mundo social.

Palavras-chave


Bakhtin; Labov; língua; sociedade

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X