Vídeo games como oportunidade para o aprendizado informal de língua inglesa: considerações teóricas

Rafael Leonardo da Silva

Resumo


Jogar vídeo games é uma das atividades de lazer mais comuns no mundo hoje em dia (STANLEY e MAWER, 2008). Sendo assim, este artigo visa discutir como vídeo games podem contribuir para o aprendizado informal de língua inglesa, baseando-me das teorizações de Halliday (2003) sobre as sete funções da linguagem para crianças, bem como no conceito de cultura participativa de Jenkins (2006) e utilizando exemplos da literatura existente no campo (e. g. REINDERS e WATTANA, 2011; RYU, 2013). Este artigo debate como vídeo games podem promover o aprendizado em geral, além do desenvolvimento de habilidades receptivas e expressivas em língua inglesa.


Palavras-chave


Aprendizado de língua inglesa; Aprendizado de línguas assistido por computador; Cultura participativa; Vídeo games.

Texto completo:

PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)