MOVIMENTOS READY-MADE, POP ART E DE REMIDIAÇÃO NO ENSINO DE LÍNGUAS

Adolfo TANZI NETO, Clara Vianna PRADO

Resumo


A presença das tecnologias digitais na sociedade atual influencia cada vez  A presença das tecnologias digitais na sociedade atual influencia cada vez mais a nossa comunicação e novas linguagens são introduzidas em nosso cotidiano diariamente. Entretanto, notamos que as transformações ocorridas não aparecem de forma descontextualizada, mas são reflexos de processos anteriores, que se descontroem e se reconstroem de objetos e tecnologias passadas, similar a movimentos artísticos que se apropriam do anterior, buscando a criação de algo novo. Este artigo busca fazer um paralelo entre os movimentos Ready-made, Pop Art e o conceito de remidiação (BOLTER; GRUSIN, 2000) para repensarmos o contexto escolar, uma vez que entendemos que este se encontra em um processo de expansão de seus conceitos de ensino-aprendizagem. Para tanto discutimos sobre o(s) letramento(s) em tempos de comunicação digital, tecendo considerações sobre as possibilidades de utilização do conceito remidiação para o ensino de línguas, uma vez que entendemos que essa temática possibilita interdisciplinaridade com outras áreas do conhecimento contemporâneo.  


Palavras-chave


Remidiação; Letramento(s); Movimentos Artísticos; Ensino de línguas

Texto completo:

PDF

Referências


ADES, Dawn. O Dada e o Surrealismo. Barcelona: Labor, 1976.

ARGAN, G. Carlo. Arte Moderna. São Paulo: Companhia das Letras, 1992.

BOLTER, J. D.; GRUSIN R. Remediation: understanding new media. Cambridge, MA, USA: The MIT Press, 2000.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ensino Médio. Brasília: Ministério da Educação, 1998.

HALLIDAY, M.A.K. An introduction to functional grammar. 2nd. ed. London: Edward Arnold, 1994.

KRESS, G. R.; LEEUWEN, T. V. Reading images: the grammar of visual design. London, New York: Routledge, 1996.

KRESS, G. R.; LEEUWEN, T. V. Multimodal Discourse: the modes and media of contemporary communication. London: Arnold, 2001.

LANKSHEAR, C.; KNOBEL M. Critical cyberliteracies: what young people can teach us about reading and writing the world. In: National Council of English Teachers’ Assembly for Research Mid-Winter Conference. New York: Journal: Annual meeting of the National Council of English Teachers’, fev 2002. pp. 22-24.

LANKSHEAR, C. The stuff of new literacies. In: Mary Lou Fulton Symposium. Lugar: Arizona State University, abril 2007. Disponível em: http://everydayliteracies.net/stuff.pdf. Acesso: 16 ago 2013.

ROJO, R. Gêneros Discursivos do Círculo de Bakhtin e Multiletramentos. In: Escola Conectada: os multiletramentos e as TICs. São Paulo: Parábola Editorial, 2013. pp. 13-36.




DOI: https://doi.org/10.23925/2318-7115.2017v38i1a4

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)