INGLÊS PARA TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO: UM CURSO FIC EM UM CAMPUS DO INSTITUTO FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

Ailson Costa de Oliveira, Jennifer Sarah Cooper

Resumo


Esta pesquisa, de natureza qualiquantitativa, trata de uma ação pedagógica de estratégias de leitura na base de Inglês para Fins Específicos (IFE) (Hutchinson e Waters, 1991; Dudley-Evans e St John, 1998; Ramos, 2005), na área de informática, no contexto de Ensino Básico Técnico e Tecnológico em um campus do Instituto Federal do Rio Grande do Norte. Objetiva-se identificar e quantificar marcas linguísticas utilizando instrumentos e categorias baseados no aparato teórico da Linguística Sistêmico Funcional (Halliday e Mathiessen, 2014), mais especificamente, fazendo-se uma Análise do Discurso por meio das ferramentas semântico-discursivas do Sistema de Avaliatividade elaboradas por Martin e Rose (2007) e Martin e White (2005). Observamos como os alunos caracterizam, nas escolhas lexicogramaticais, suas percepções da ação pedagógica, através das categorias Apreciação e Julgamento, componentes do Subsistema de Atitude no Sistema de Avaliatividade, levando-se em consideração os tipos reação, composição e valoração.

 


Palavras-chave


Linguística Sistêmico Funcional; Sistema de Avaliatividade; Inglês para Fins Específicos; Inglês para Informática

Texto completo:

PDF

Referências


AFFLERBACH, P. et al. Clarifying Differences Between Reading Skills and Reading Strategies. The Reading Teacher. Vol. 61, No. 5. fev. 2008.

ALMEIDA, F. S. D. P. Atitude: afeto, julgamento e apreciação. In: VIAN JR., O.; SOUZA, A. A.; ALMEIDA, F. S. D. P. (Org.). A linguagem da avaliação em língua portuguesa: estudos sistêmico-funcionais com base no Sistema de Avaliatividade. São Carlos: Pedro&João, 2010.

BOCANEGRA-VALLE, A. Evaluating and designing materials for the ESP classroom. In: GARRIDO, M. et al. English for Professional and Academic Purposes. Rodopi. New York, 2010.

CARVALHO, R. A apreciação em anúncios publicitários de livros didáticos de língua inglesa. In: VIAN JR, O.; SOUZA, A. A.; ALMEIDA, F. S. D. P. (Org.). A linguagem da avaliação em língua portuguesa: Estudos sistêmico-funcionais com base no Sistema de Avaliatividade. São Carlos: Pedro&João, 2010.

CELANI, M. A Relevância da Linguística Aplicada na Formulação de uma Política Nacional Brasileira. In FORKAMP, M; TOMITCH, L. (Org.). Aspectos da Linguistica Aplicada. Florianóplis: Insular. 2000.

CRUZ, D.; ALBA, V.; ROSAS, M. Inglês.com.textos Para Informática. Disal, 2006.

CRUZ, D. Inglês Instrumental Para Informática. Disal, 2013.

DÖRNYEI, Z. Research Methods In Applied Linguistics. New York: Oxford University Press, 2007.

DUDLEY-EVANS, T.; ST JOHN, M. Developments in English For Specific Purposes. Cambridge University Press, 1998.

FLICK, U. Introdução À Pesquisa Qualitativa. 3 Ed. Artmed. 2009.

Halliday, M. An Introduction to Functional Grammar. First Ed. London: Edward Arnold. 1985a.

Halliday, M. An Introduction to Functional Grammar. Second Ed. London: Edward Arnold. 1994b.

HALLIDAY, M.; MATTHIESSEN, C. Introduction to Functional Grammar. New York; Routledge, 4 Ed. 2014.

HUTCHINSON, T.; WATERS, A. English For Specific Purposes. Cambridge, 1991.

HYLLAND, K. Genre pedagogy: Language, literacy and L2 writing instruction. Journal of Second language Writing. 2007.

IFRN. Organização Didática. 2012.

IFRN. Projeto Político-Pedagógico Do Curso Técnico de Informática. 2011.

IKEDA, S. N.; VIAN JR., O. A análise do discurso pela perspectiva sistêmico-funcional. In: LEFFA, V. J. (Org.). Pesquisa em Linguística Aplicada: temas e métodos. Pelotas; EDUCAT, 2006.

Kemmis, S.; McTaggart, R. The Action Research Planner. Geelong (Aust): Deakin University Press. 1990.

LINGUISTECH. WordSmith Tools Concord Tutorial, Level I. Disponível em: http://linguistech.ca/WordSmith_Concord_E_TUTCERTT_I. Acesso em: 28 fev 2016.

LÜDKE, M. O professor, seu saber e sua pesquisa. In. Educação & Sociedade. Campinas: Unicamp. vol.22, nº 74, Abril/2001- p 77 – 96.

MARTIN, J.R.; ROSE, D. Working with discourse: meaning beyond the clause. First Ed. London: Continuum, 2003a.

MARTIN, J.R.; ROSE, D. Working with discourse: meaning beyond the clause. Second Ed. London: Continuum, 2007b.

MARTIN, J.R.; ROSE, D. Genre Relations: Mapping Culture. London: Equinox, 2008.

MARTIN, J.R.; ROSE, D.. Designing Literacy Pedagogy: Scaffolding democracy in the classroom. In press in J Webster, C Matthiessen & R Hasan (eds.) Continuing Discourse on Language. London: Continuum. 2013.

MARTIN, J.; WHITE, P. The language of evaluation: Appraisal in English. New York: Palgrave Macmillan, 2005.

Language Research Journal No. I, University of Bermingham, 1980.

NUNAN, D. Research Methods in Applied Linguistics. Oxford: Oxford University Press, 2007.

RAMOS, R. Instrumental no Brasil: a desconstrução de mitos e a construção do futuro. In: Linguística Aplicada e Contemporaneidade. Pontes, 2005.

ROBINSON, P. ESP TODAY: A Practitioner’s Guide. Prentice Hall, 1991.

ROSE, D.; MARTIN. J. Learning to Write, Reading to Learn: Genre, Knowledge and Pedagogy in the Sydney School. London: Equinox, 2012.

SOUZA, A et al. Leitura Em Língua Inglesa: Uma Abordagem Instrumental. 2 Ed. Disal. 2010.

SWALES, J. Writing Scientific English. Nelson, 1971.

THE APPRAISAL WEBSITE. The language Of Attitude, Arguability And Interpersonal Positioning. Disponível em http://www.grammatics.com/appraisal/. Acesso em: 10 fev. 2016.

TRIPP, D. Action research: a methodological introduction. Educ. Pesqui. [online]. 2005, vol.31, n.3, pp.443-466. ISSN 1517-9702. http://dx.doi.org/10.1590/S1517-97022005000300009.

VIAN JR., O. O Sistema de Avaliatividade e a linguagem da avaliação. In: VIAN JR, O.; SOUZA, A. A.; ALMEIDA, F. S. D. P. (Org.). A linguagem da avaliação em língua portuguesa: Estudos sistêmico-funcionais com base no Sistema de Avaliatividade. São Carlos: Pedro&João, 2010.

VIAN JR. O. Linguística Sistêmico-Funcional.

VIAN JR, O. A ANÁLISE DE NECESSIDADES NO ENSINO DE INGLÊS EM CONTEXTOS PROFISSIONAIS: Needs Analysis and English Teaching in Professional Contexts. the ESPecialist, vol. 29, nº 2 (139-158) 2008.

VIAN JR, O. AVALIATIVIDADE, ENGAJAMENTO E VALORAÇÃO. D.E.L.T.A., 28:1, p. 105-128. 2012.




DOI: https://doi.org/10.23925/2318-7115.2018v39i1a6

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM