Uma Abordagem Baseada em Corpus Situada no Modelo de Juliane House para Avaliação da Qualidade da Tradução

Evandro Lisboa Freire

Resumo


O presente artigo constitui uma proposta de adaptação transparente do Modelo de Avaliação da Qualidade de Tradução desenvolvido por Juliane (doravante HMTQA) (House, 1997), que almeja unir a estrutura macroanalítica desse modelo a uma abordagem léxico-sintática baseada em corpus para avaliar a qualidade em tradução. Para tanto, em primeiro lugar apresentamos o HMTQA; em segundo lugar, indicamos por que uma abordagem baseada em corpus, combinada ao alinhamento entre o texto de partida (TP) e o texto traduzido (TT), pode ser proveitosa ao HMTQA; por fi m, expomos uma aplicação de nossa proposta. Esta se ocupa da tradução de O papel do Itamaraty do português para o inglês: esse texto proporciona uma introdução geral ao Ministério das Relações Exteriores do Brasil (MRE) sob o ponto de vista desse órgão governamental.

Palavras-chave


estudos da tradução; linguística aplicada; avaliação da qualidade de tradução; abordagem baseada em corpus

Texto completo:

PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)