O efeito do trabalho colaborativo interacional em sala de aula no tratamento dos erros em ensaios acadêmicos de alunos

Abdullah A. Khuwaileh

Resumo


Há muitas pesquisas teóricas e práticas sobre a importância da habilidade de escrita para o ensino e a aprendizagem do inglês acadêmico. A grande maioria dessas pesquisas tem enfocado a análise de erros, testes, necessidades e avaliação da escrita. Contudo, este estudo teve como objetivo medir o efeito do trabalho colaborativo em sala de aula no desenvolvimento da habilidade de escrita de ensaios acadêmicos pelos alunos, um tópico que não tem recebido muita atenção. Focalizando o tratamento dos erros de escrita, o estudo dá mais atenção ao papel dos alunos no desenvolvimento da sua habilidade de identificar seus erros e de tratá-los adequadamente, através de um processo dividido em três estágios, realizado sob a supervisão de seu professor (o pesquisador). Portanto, o estudo tem como objetivo reduzir ou mesmo eliminar esses erros através da interação entre os alunos em sala de aula. Após estabelecer um grupo de controle e um grupo experimental, descobrimos que maximizar o papel dos alunos na aprendizagem da redação de ensaios produziu resultados muito positivos no que se refere a sua habilidade de escrever ensaios sem erros e mesmo de falar em público. O processo interacional de redação de ensaios, dividido em três estágios, é uma prática na Universidade de Ciências e Tecnologia da Jordânia, onde o estudo foi realizado. Porém, pode ser aplicado em outras situações de ensino da língua inglesa, similares à encontrada nessa Universidade. Assim, o processo é altamente recomendado no caso do ensino da redação de parágrafos, trabalhos de final de ano e integração de habilidades, não apenas para aprendizes árabes de inglês, mas também para outros falantes de inglês que tenham outras línguas maternas.

Palavras-chave


Interação; ensaio; trabalho colaborativo

Texto completo:

PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)