Considering Aspects on Selecting ESP Teachers

Clara S. Koifman, Elisabeth A. C. Justo, Lilian Kerr

Resumo


Este trabalho tem como objetivo levar os leitores que seguem a abordagem Instrumental a refletir sobre o perfil do professor de linguagem instrumental, assim como questionar suas idéias e práticas em sala de aula. Também pretende lançar um novo procedimento na escolha de professores potencialmente competentes para exercerem suas atividades dentro da Abordagem Instrumental na Língua Inglesa. Uma vez que não estamos interessadas somente nos conhecimentos lingüísticos e pedagógicos, optamos por filtrar também suas percepções, sua postura reflexiva diante do que acontece em sala de aula e sua habilidade de considerar seus alunos como seres humanos. Nossa intenção é esclarecer as dúvidas que possam ocorrer sobre os nossos objetivos, elaboração, aplicação, critérios para a avaliação e aspectos legais que norteiam o concurso, que tinha como meta o suprimento de vaga para professor segundo uma Abordagem Instrumental na E.T.F.Q.-R.J. Consideraremos a proposta pedagógica e objetivo final da Escola, o grupo de professores de Inglês e asua prática pedagógica, assim como a clientela-alvo, os futuros profissionais. Nós examinaremos a prova escrita, levando em conta as necessidades, as diversas etapas e os resultados, dando detalhes que refletem nossas prioridades ao elaborar as dez questões da prova escrita e todos os demais aspectos relacionados à natureza de um trabalho pioneiro e desafiador. Faremos também uma auto-avaliação ao considerar alguns aspectos que alteraríamos e desenvolveríamos em situações futuras.

Palavras-chave


seleção de professores; abordagem instrumental; trabalho pioneiro; auto avaliação.

Texto completo:

PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)