Some notes on the pedagogical value of historical pathological science examples from Chemistry and Physics, and related sciences

Sérgio Paulo Jorge Rodrigues

Resumo


Resumo

Os dados biográficos sobre cientistas, e em particular de químicos e físicos, podem ser usados como elemento motivador dos estudantes e público assim como um instrumento humanizador da ciência e demonstrativo da forma como esta funciona na prática. A dimensão humana da ciência emerge naturalmente da análise de apontamentos biográficos que enfatizem os dilemas e os sucessos e fracassos dos cientistas. Os episódios históricos e as atitudes e acções dos cientistas mostram como funciona a ciência e dão aos estudantes e público a possibilidade de reflectirem sobre a ciência e a sua humanidade, assim como de desenvolverem a capacidade de desconfiar do anacronismo, da pseudo-ciência, da ciência patológica e da fraude científica, para melhor apreciarem e entenderem o desenvolvimento da ciência. Começando com uma breve revisão dos sintomas e critérios propostos na literatura para distinguir desvios anormais, neste trabalho são analisados alguns casos de produção de ciência patológica nos campos da química e da física, procurando, a partir destes, evidenciar caminhos pedagógicos que fomentem o espírito crítico dos estudantes e do público.

Palavras-chave: Biografias de cientistas, estratégias pedagógicas, humanidade da ciência, pseudo-ciência, ciência patológica.

Abstract

Biographical data about scientists, and in particular about chemists and physicists, can be used for engaging students and the public, humanizing the science image, and for demonstrating how it works in the practice. The human dimension of science emerges naturally from the analysis of biographical aspects that emphasize the dilemmas and the successes and failures of scientists. The historical episodes and the attitudes and actions of scientists show how science works and offer students and public the opportunity to reflect about science and its humanity, as well as to develop the capacity to distrust anachronism, pseudo-science, pathological science, and scientific fraud in order to better appreciate and understand the action and development of science. Starting with a brief review of the symptoms and criteria proposed in the literature to distinguish deviations from normal science, this work analyzes some cases of production of pathological science, focusing on chemistry and physics, seeking pedagogical paths that foster the critical spirit of students and the public.

Keywords: Biographies of scientists, pedagogical strategies, the humanity of science, pseudo-science, pathological science.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/178-2911.2019v20espp747-760

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM