POR QUE A DEDUÇÃO NÃO É UMA INFERÊNCIA GENUÍNA?

Vinícius Romanini

Resumo


Semioticistas peirceanos costumam elencar a abdução, a indução e a dedução como as três formas de inferência lógica. Não há consenso, porém, sobre como relacioná-las com as três categorias de Peirce. A abdução pertence claramente à primeiridade, mas e quanto às outras duas? O artigo defende que a indução é uma forma de segundidade e que a dedução, na verdade, não existe como inferência genuína. O que chamamos dedução é apenas uma estratégia de revelação das relações lógicas usando a observação e experimentação sobre diagramas – mas baseada em abduções e induções. Na classificação das inferências, a terceiridade é argumento habitual ou argumento que incorpora a informação que sustenta as relações exibidas no diagrama.

Palavras-chave


Charles S. Peirce (1839-1914). Modos de raciocínio. Argumento.

Texto completo: Postscript

Apontamentos

  • Não há apontamentos.