Por uma sintaxe do telejornal: uma proposta de ensino

Yvana Fechine, Luisa Abreu e Lima

Resumo


Apresentando as contribuições que a semiótica discursiva pode dar ao ensino do telejornalismo, este artigo propõe-se a apresentar a primeira etapa de um projeto que busca evidenciar a sintaxe que preside à construção do telejornal e, em especial, da reportagem. A construção de uma sintaxe da reportagem requer o exame do modo como as suas unidades constitutivas (off, sonoras, imagens, arte, passagens, etc.) se combinam para produzir um “todo de sentido” – um texto. Partindo da análise da roteirização das reportagens, buscamos verificar quais os usos e as funções recorrentes de cada uma dessas suas unidades constitutivas. Neste artigo, a passagem é objeto de um exercício preliminar de análise do “funcionamento” textual da reportagem. Baseados no estudo de 100 roteiros, propomos a descrição de sete funções sintáticas da passagem no texto-reportagem.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM