Atividade física como modalidade terapêutica não-medicamentosa: análise do discurso de idosos hipertensos

Saulo Vasconcelos Rocha, Ilca Morbeck Dias, Lelia Renata Carneiro Vasconcelos, Alba Benemérita Alves Vilela, Doane Martins da Silva, Juliana da Silva Oliveira

Resumo


Este estudo tem como propósito analisar os discursos de idosos hipertensos quanto à efetividade de um programa de atividade física. Utilizou-se, como técnica de coleta de dados, um grupo focal. Os indivíduos relataram redução da pressão arterial, maior conscientização no que tange à educação nutricional e adoção de outros hábitos saudáveis, aumento na capacidade de realização das atividades da vida diária, melhoria na autoestima e aumento das relações sociais, após a participação em um programa de atividade física. Atividade Física; Idosos; Hipertensão.

Palavras-chave


Atividade Física; Idosos; Hipertensão.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.