Preservação e ruptura na interação do índio com a TV

Orlando Garcia

Resumo


Analisamos neste artigo a relação midiática entre um grupo de índios e alguns programas de TV, com o intuito de discutirmos o que há de preservação e de rupturas na cultura de um grupo de índios terenas, moradores da comunidade “Marçal de Souza”, na cidade de Campo Grande em Mato Grosso do Sul. Problematizamos nessa análise as relações entre mídia e seus receptores, enfatizando a importância do impacto midiático sobre a audiência. Discutimos, também, as abordagens socioculturais e comportamentais que contribuem para as reflexões que tratam das formas de se recepcionar programas televisivos.

Texto completo:

PDF


Revista Nexi © ISSN 2237-8383.