Religião e segregação sócio-espacial na análise da construção do sujeito na

Sérgio Gonçalves de Amorim

Resumo


A exclusão sócio-espacial caracteriza o espaço urbano como uma estratégia de dominação de grupos hegemônicos sobre o corpo da sociedade. Neste contexto, qual tem sido o papel da religião, o de promover ou de atenuar esta segregação com vistas à dominação? As práticas religiosas situam-se entre um ideal de diminuir esta segregação e da promoção da mesma, com implicações na construção ou não de certa autonomia do sujeito consciente de sua responsabilidade no exercício de sua relativa liberdade.


Palavras-chave


religião; segregação sócio-espacial

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.