Trabalho no fazer artístico

Leila Maria da Silva Blass

Resumo


Este texto trata dos processos de trabalho no fazer artístico, resultadode múltiplos atos criativos. A noção moderna de trabalho, muitasvezes, confundida com emprego fabril, constitui a sua principalreferência teórica. Os atos criativos, diluídos nesse fazer, não sãoaleatórios ainda que efêmeros, pois seguem regras e procedimentosde acordo com os seus diferentes fazeres. Os artistas reconhecema importância da autodisciplina e da dedicação, acionando,inclusive, uma rede de trabalhadores, seus mediadores coletivos, quecontribuem para transformar ideias ou intuições em obras de arte.Nesse processo, ocorrem “erros” que, se percebidos, podem apontarsoluções e caminhos, tendo por suposto o “olhar dos outros” sobre osseus produtos finais.

Palavras-chave


fazeres artísticos; imagens geradoras; mediações coletivas; trabalho; emprego

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Ponto-e-Vírgula está indexada em:

     

  

ISSN 1982-4807

A revista Ponto-e-Vírgula e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula.