Uma revolução proletária de curta duração e fortíssimo impacto

Lúcio Flávio Rodrigues de Almeida

Resumo


Em um aparente paradoxo, numerosas análises marxistas do processo soviético adotaram uma perspectiva personalista. Neste artigo, a inspiração teórico-metodológica é althusseriana, especialmente no que se refere a um conceito não-economicista de modo de produção e à importância dos aparelhos ideológicos. O objetivo é contribuir para uma análise mais objetiva do momento mais profundo (1917-1922) da revolução bolchevique.

Palavras-chave


Proletariado; Luta de classes; Revolução; Processo soviético

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/1982-4807.2017i21p5-20

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Ponto-e-Vírgula está indexada em:

     

  

ISSN 1982-4807

A revista Ponto-e-Vírgula e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/pontoevirgula.