Associações entre emoções morais e criatividade em universitários

Daniel Bartholomeu, José Maria Montiel, Juliana Francisca Cecato, Marco A. Virgilio, Cintia Heloísa Bueno, Felipe Fernandes de Lima

Resumo


Por definição, as emoções morais ajudam as pessoas a diferenciarem características morais, motivando o comportamento, e revelam os valores morais e a preocupação consigo mesmo e com os outros. O objetivo deste estudo foi analisar relações entre emoções morais e criatividade em universitários. Participaram 88 alunos que cursavam o ensino superior em uma Universidade particular do interior de São Paulo, de ambos os sexos e com idades entre 18 e 54 anos. Foram administradas a EEM (Escala de Emoções Morais) e o Teste de Criação de Metáforas. As análises revelaram não haver diferenças significativas entre essas medidas entre sexos ou idades, tanto para o EEM, como para o Teste de Criação de Metáforas, sugerindo que independentemente da idade ou sexo, as pessoas tendem a manifestar as emoções avaliadas e a produzir metáforas da mesma maneira. Identificou-se uma correlação significativa e negativa entre a variável Categoria Metafórica e o fator Culpa. Faz-se necessário reforçar que as emoções avaliadas são específicas, o que provavelmente resultou em discrepâncias com os resultados obtidos.

Palavras-chave


emoções morais; aprendizagem; criatividade; produção de metáforas

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.