O percurso histórico-político da Psicologia escolar em São Paulo

Eduardo Freitas Prates, Roseli Fernandes Lins Caldas

Resumo


O objetivo deste artigo é investigar a história da Psicologia Escolar em São Paulo na década de 1980, a fim de discutir o momento atual em que os psicólogos, junto a outras categorias, lutam para se inserir na educação pública, por meio de projetos de lei. O texto é um recorte de uma pesquisa bibliográfica e documental. A discussão centraliza-se nos resultados da investigação das 69 publicações do Jornal do CRP-06 (1981-1990), focando os desdobramentos do projeto de lei 519/81, as discussões feitas por equipes multidisciplinares e uma entrevista de Paulo Freire que apresenta a concepção corrente de Psicologia clínico-tradicional e justifica a retirada dos psicólogos da educação. Estabelece uma análise crítica desse processo, buscando apontar novos caminhos.

Palavras-chave


História da Psicologia; Psicologia escolar; pesquisa documental; Educação

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.