Desenvolvimento e aprendizagem: da perspectiva construtivista à socioconstrutivista

Maria da Conceição Rodrigues Ferreira, Susana Maria Rodrigues Fernandes

Resumo


Este trabalho tem por objetivo apresentar uma interpretação da perspectiva construtivista e socioconstrutivista do desenvolvimento e da aprendizagem, no que se refere aos primeiros conceitos de adição e de subtração, de números inteiros. Assim, a principal hipótese da perspectiva construtivista assenta no pressuposto de que a confrontação entre os esquemas dos diferentes níveis de elaboração do sujeito desencadeia o desequilíbrio cognitivo do qual resultam conflitos e contradições. Em relação a essa problemática, essa perspectiva postula ainda que a construção do conhecimento ocorre por aproximações sucessivas, sendo a objetividade do pensamento obtida por meio de descentrações cognitivas, ao longo de todo o processo de desenvolvimento e aprendizagem, o que implica reconstruções sucessivas das estruturas mentais, através do mecanismo de equilíbrio - desequilíbrio - equilíbrio, entre o sujeito e o objeto. Por outro lado, a perspectiva socioconstrutivista do desenvolvimento e da aprendizagem postula que as coordenações cognitivas são construídas por mediação social, pela coordenação das ações individuais com as dos outros, mecanismo indispensável à construção da matriz dos sistemas de coordenação geral.

Palavras-chave


desenvolvimento; construtivismo; adição; subtração.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.