Autoridade e sedução na relação pedagógica

Maria Aparecida Morgado

Resumo


São apresentados os elementos psíquicos inconscientes que estruturam a relação pedagógica para mostrar que tanto podem favorecer como dificultar o exercício adequado da autoridade do professor, quando essa é substituída pela sedução. O intercâmbio emocional inconsciente da relação professor-aluno acarreta a revivescência recíproca de afetos do passado infantil sem que os sujeitos envolvidos se deem conta disso. A revivescência inconsciente do passado infantil é possível graças à identificação, à transferência e à contratransferência: essas operações psíquicas são apresentadas conceitualmente, em termos psicanalíticos, para mostrar como o processo em que se articulam pode resultar na sedução. Quando a revivescência inconsciente é muito intensa e exclusiva, a sedução se sobrepõe à autoridade desfigurando o ensino e a aprendizagem.

Palavras-chave


autoridade; sedução; identificação; transferência; contratransferência

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.