Vozes no silêncio: um grupo de formação crítico-reflexiva de professoras de alunos com autismo

Ruth Cabral Monteiro de Castro

Resumo


Esta pesquisa teve como objetivo analisar um processo de formação que procurou desenvolver, em professoras de alunos com transtornos autistas, uma postura críticoreflexiva, através da apropriação de conhecimentos e competências de atuação voltados para as características desse aluno. Adotamos as pesquisas ação e participante como métodos investigativos e a coleta de dados foi descritiva. Utilizamos as fundamentações teóricas de Donald A. Schön, Pimenta e Contreras sobre o uso da reflexão nos grupos de formação de profissionais, que foram articuladas com informações sobre as novas políticas de inclusão no ensino público, ressaltando a importância de um espaço que fosse propício à aprendizagem, valorizasse a interação entre os professores, respeitasse os tempos individuais e as formas diversas de aprender. Concluímos acreditando que foram obtidos indicadores de êxito nessa abordagem crítico-reflexiva de formação de professores, através de depoimentos e avaliações das participantes que expressaram o seu crescimento profissional e pessoal e suas possibilidades de reflexão sobre a prática como professoras de alunos com necessidades educativas especiais, levando-nos a refletir o quanto podemos caminhar para chegarmos mais perto de uma educação que seja realmente um direito de todo e qualquer cidadão.

Palavras-chave


educação especial; autismo e formação de professores

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.