Avaliação psicossocial no contexto das normas regulamentadoras do trabalho: desafios e práticas profissionais

Carlos Manoel Lopes Rodrigues, Cristiane Faiad

Resumo


A obrigatoriedade da avaliação psicossocial para trabalhadores submetidos a situações de trabalho com combustíveis, de trabalho em altura e de trabalho em espaços confinados configura-se um campo recente na prática profissional da psicologia no Brasil. Poucos são os estudos na área e a compreensão sobre os procedimentos que ora são utilizados no Brasil. Neste sentido, o presente estudo tem como objetivo identificar como esta avaliação tem sido realizada no Brasil. Para tanto, foram entrevistados 40 profissionais que atuam nesta prática, sendo 95% mulheres e de todas as regiões brasileiras. Os resultados apontam a utilização majoritária de entrevistas e testes psicológicos para avaliação de aspectos cognitivos, personalidade e das condições de saúde mental. Foram relatadas dificuldades quanto ao número de testes disponíveis ou específicos para este contexto, e a pouca integração da avaliação junto a outras profissões da área de saúde ocupacional. Identificou-se a necessidade de estudos relativos a adequação dos instrumentos utilizados para este fim, e a identificação das características a serem avaliadas para cada cargo.


Palavras-chave


Avaliação psicológica; trabalho em altura; espaços confinados; riscos ocupacionais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2594-3871.2018v27i2p287-310

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2018 Psicologia Revista

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: