A transformação de religiosidade em Portugal e na Grécia: uma comparação etnográfica da Nova Espiritualidade e pluralismo religioso no sul da Europa

Eugenia Roussou

Resumo


Baseado em trabalho de terreno antropológico em Lisboa, Portugal e Atenas, Grécia, este artigo apresentará um relato comparativo da espiritualidade da Nova Era no Sul da Europa, uma área geográfica e sociocultural em que os estudos do fenômeno da Nova Era são escassos para encontrar. Vai demostrar como esta recente viragem para nova espiritualidade leva a uma transformação da religiosidade quotidiana e a um pluralismo religioso no qual as pessoas têm a escolha de seguir caminhos espirituais alternativas. O objetivo é focar em como essas práticas da espiritualidade da Nova Era, que variam de terapias alternativas, yoga e retiros de meditação para Xamanismo e Espiritismo, fazem o seu caminho para a vida quotidiana das pessoas, afetando as suas crenças e aspirações religiosas, desafiando a predominância do Cristianismo e reivindicando uma posição significativa na religiosidade portuguesa e grega mais persistentemente.


Palavras-chave


Nova Era, Nova Espiritualidade, Pluralismo Religioso, Portugal, Grécia

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 REVER - Revista de Estudos da Religião - ISSN 1677-1222