O terreiro de candomblé como espaço de construção do sagrado e de materialização da memória ancestral

Daniela Calvo

Resumo


O terreiro de candomblé apresenta-se como espaço de concentração e emanação de ase (a forca sagrada que está na base da vida), de presentificacão do sagrado, de preservação e materialização da memória ancestral. E eixo do egbé (a comunidade de terreiro) e de uma série de caminhos percorridos por pessoas, animais, materiais, objetos, conhecimentos, valores, ideias, sentimentos e ações. Apresenta-se como espaço de resistência, de preservação e transmissão das tradições de matriz africana e de valores culturais que se opõem aqueles da cultura dominante.


Palavras-chave


Candomblé; Terreiro; Território; Espaço sagrado; Reterritoralizacão

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/1677-1222.2019vol19i2a14

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 REVER - Revista de Estudos da Religião