FAMÍLIA, VIOLÊNCIA E GÊNERO: COTIDIANO FAMILIAR NO CEARÁ (1780-1850)

Antonio Otaviano Vieira Junior

Resumo


No Sertão da pecuária no nordeste do Brasil, entre secas e pólvora, a família se constituía enquanto elemento fundamental das relações sociais. É dessa família, gestada mais especificamente na capitania do Seara-Grande (e posterior província do Ceará), que as linhas a seguir procurarão deixar emergir significados de cotidianos entrecortados por tensões de gênero e violência.


Palavras-chave


Família, gênero, violência, Ceará.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


________________________________________________________________________________________________________

Apoio:

 

Projeto História está indexada em: