ENTRE VELAS, BARCOS E BRAÇADAS: BELÉM NO REFLEXO DAS ÁGUAS (DO FINAL DO SÉCULO XIX À DÉCADA DE 1920)

Douglas da Cunha Dias, Carmen Lúcia Soares

Resumo


O artigo discute a profissionalização das práticas aquáticas em Belém do Pará entre o quartel final do século XIX e os anos de 1920. Utilizando jornais do período, investiga as regatas festivas como momento inicial desse processo, que culmina com a chegada dos esportes náuticos por intermédio de clubes esportivos, e ainda, de forma mais institucionalizada, com a criação da “Federação Paraense dos Sports Nauticos”. Problematiza-se a importância dada aos esportes náuticos e seus atletas apolíneos como símbolos inequívocos de uma urbanidade desejosamente moderna e que valorizava a vida ao ar livre.

 


Palavras-chave


Esportes náuticos; Vida ao ar livre; Belém do Pará.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


________________________________________________________________________________________________________

Apoio:

 

Projeto História está indexada em: