ANA MARIA MACHADO: INVENTANDO O FUTURO A UTOPIA DE UM MUNDO DE PAZ E TOLERÂNCIA: REFLEXÕES SOBRE A INFÂNCIA E A JUVENTUDE

Maria do Rosário Cunha Peixoto

Resumo


Este artigo analisa O Canto da Praça, de Ana Maria Machado, texto literário destinado às crianças, no qual a autora propõe uma reflexão sobre a necessidade de nos mobilizarmos no sentido de criar uma cultura de paz, de tolerância, de diálogo de modo a inventar um futuro no qual a liberdade e a justiça andem juntas, assim como múltiplo e o diferente, onde o consenso não seja obrigatório.

Este artigo analisa O Canto da Praça, de Ana Maria Machado, texto literário destinado às crianças, no qual a autora propõe uma reflexão sobre a necessidade de nos mobilizarmos no sentido de criar uma cultura de paz, de tolerância, de diálogo de modo a inventar um futuro no qual a liberdade e a justiça andem juntas, assim como múltiplo e o diferente, onde o consenso não seja obrigatório.


Palavras-chave


infância; representações; Ana Maria Machado

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


________________________________________________________________________________________________________

Apoio:

 

Projeto História está indexada em: