Relação entre a ansiedade pré-operatória em crianças em idade pré-escolar e a ansiedade de seus respectivos acompanhantes. Estudo transversal com o emprego da Escala de Yale modificada

Emiliana Gomes de Mello, Vivian Brancalione Gonçalves, Neil Ferreira Novo, Eduardo Toshiyuki Moro

Resumo


A ansiedade é um evento comum em crianças durante o período que antecede a cirurgia. Diversas formas foram propostas para avaliar o nível de ansiedade do paciente pediátrico. A modified Yale Preoperative Anxiety Scale (m- YPAS) é um instrumento que foi desenvolvido recentemente e que permite a avaliação do nível de ansiedade a partir da observação das atitudes da criança. O objetivo do estudo foi avaliar a influência de variáveis como a ansiedade dos acompanhantes (pais ou familiares), o tempo de jejum pré- operatório e a experiência prévia com cirurgias no nível de ansiedade das crianças, por meio do emprego dessa escala. MATERIAL E MÉTODOS: Foram avaliadas 39 crianças em idade pré-escolar e submetidas a cirurgias eletivas em hospital terciário de Sorocaba. Após a avaliação pré- anestésica, realizada imediatamente após a internação, as crianças foram encaminhadas para a Enfermaria de Pediatria, onde foram observadas pelo avaliador que aplicou a escala m- YPAS. Os resultados acima de 30 pontos foram considerados como presença de ansiedade. O nível de ansiedade dos pais ou acompanhantes foi avaliado com o emprego da escala visual linear de 0 a 10 pontos. Valores acima de 3 foram considerados positivos para ansiedade. Todas as crianças receberam midazolam como medicação pré-anestésica. Também foram registrados o tempo de jejum e a presença ou não de cirurgia prévia. RESULTADOS: Foram avaliadas 39 crianças. A ansiedade foi observada em 36% das crianças. Entre os pais/acompanhantes a incidência foi de 92%. Não houve relação entre a ansiedade das crianças com a de seus respectivos acompanhantes (p = 0,70), com o tempo de jejum (p = 0,28) ou com a presença ou não de cirurgia prévia (p = 0.09). CONCLUSÃO: A ansiedade dos acompanhantes (pais ou familiares), o tempo de jejum pré-operatório e a realização de cirurgia prévia não foram considerados fatores preditivos para maior ou menor nível de ansiedade pré-operatória em crianças.


Palavras-chave


ansiedade de separação; período pré- operatório; anestesia; pré-escolar; pais; família; escalas

Texto completo:

PDF

Referências


Moro ET, Módolo NSP. Ansiedade, a criança e os pais. Rev Bras Anestesiol. 2004;54(5):728-38.

Guaratini AA, Marcolino JAM, Teixeira AB, Bernardis RC, Passarelli MLB, Mathias LAST. Estudo transversal de ansiedade pré-operatória em crianças: utilização da escala de Yale Modificada. Rev Bras Anestesiol. 2006;56(6):591-601.

Julian LJ. Measures of anxiety. Arthritis Care Res. 2011;63:1-11.

Kain ZN, Mayes LC, Cicchetti DV, Bagnall AL, Finley JD, Hofstadter MB. The Yale Preoperative Anxiety Scale: how does it compare with a “gold standard”? Anesth Analg. 1997;85:783–8.

Bringuier S, Dadure C, Raux O, Dubois A, Picot MC, Capdevila X. The perioperative validity of the Visual Analog Anxiety Scale in children: a discriminant and useful instrument in routine clinical Practice to optimize postoperative pain management. Anesth Analg. 2009;109:737–44.

Cumino DO, Cagno G, Gonçalves VFZ, Wajman DS, Mathias LAST. Impacto do tipo de informação pré-anestésica sobre a ansiedade dos pais e das crianças. Rev Bras Anestesiol. 2013;63:473−82.

MacLaren JE, Thompson C, Weinberg M, Fortier M, Morrison DE, Perret D, et al. Prediction of preoperative anxiety in children: who is most accurate? Anesth Analg. 2009;108:1777–82.

Wollin SR, Plummer JL, Owen H, Hawkins RM, Materazzo F. Predictors of preoperative anxiety in children. Anaesth Intensive Care. 2003;31:69-74.

Bevan JC, Johnston C, Haig MJ, Tousignant G, Lucy S, Kirnon V, et al. Preoperative parental anxiety predicts behavioural and emotional responses to induction of anaesthesia in children. Can J Anaesth, 1990;37:177-82.

Kain ZN, Mayes LC, O`Connor TZ, Cicchetti DV. Preoperative anxiety in children. Predictors and outcomes. Arch Pediatr Adolesc Med. 1996;150:1238-45.

Shirley PJ, Thompson N, Kenward M, Johnston G. Parental anxiety before elective surgery in children. A British perspective. Anaesthesia. 1998;53:956-9.

Practice guidelines for preoperative fasting and the use of pharmacologic agents to reduce the risk of pulmonary aspiration: application to healthy patients undergoing elective procedures. Anesthesiology. 2011;114:494-511.

Arun BG, Korula G. Preoperative fasting in children: an audit and its implications in a tertiary care hospital. J Anaesthesiol Clin Pharm. 2013;29:88-91.

Crenshaw JT, Winslow EH. Preoperative fasting duration and medication instruction: are we improving? AORN J. 2008;88:963-76.

Caumo W, Broenstrub JC, Fialho L, Petry SM, Bratwait O, Bandeira D, et al. Risk factors for postoperative anxiety in children. Acta Anaesthesiol Scand. 2000;44:782-9.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



Apoio: ..............................................................................................................................................

    

Fundação São Paulo - Hospital universitário

 



 

Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba, Sorocaba, SP, Brasil, e-ISSN 1984-4840

A Revista da Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.