Revisitando questões de gramática e de ensino de um ponto de vista bakhtiniano

Miriam Bauab Puzzo

Resumo


O objetivo deste artigo é discutir a questão da gramática e do ensino numa perspectiva discursiva, enfrentando um desafio no ensino da Gramática: escapar da memorização simples de regras que nem sempre correspondem à sua aplicação prática. Tomando como referência reflexões teóricas fundamentadas nas anotações de aula de Bakhtin (2004) e na teoria dialógica do Círculo, procura-se discutir a questão do emprego da pontuação no texto literário. A pontuação, como sinal ideográfico, auxilia a estruturação de períodos, criando efeitos inusitados, muitas vezes na contramão das normas gramaticais, contribuindo assim com o projeto artístico do autor. Para efeito de análise foi selecionada a obra de Clarice Lispector, A hora da estrela (1984). Espera-se, com este trabalho, iluminar aspectos referentes aos sinais de pontuação e aos efeitos estilísticos de seu emprego, possibilitando uma reflexão crítica a respeito do ensino da gramática.

Palavras-chave


Gramática; Pontuação; Estilo; Literatura; Ensino

Texto completo:

PDF PDF (English)

Apontamentos

  • Não há apontamentos.