COMPLEXIDADE ORGANIZACIONAL, SUCESSO ESTRATÉGICO E SUAS INTER -RELAÇÕES

Ana Valeria Barbosa da Silva, Francisco Antonio Serralvo

Resumo


O objetivo deste estudo é abordar como na realidade atual, se tornou indispensável ter talento para conviver e superar a complexidade que nos envolve tanto como pessoas e organizações. Começamos fazendo um levantamento da literatura que aborda o assunto traçando um paralelo com os estudos das estruturas dissipativas de Ilya Prigogine, a teoria da complexidade de Edgar Morin e trazendo esse conhecimento para a abordagem organizacional.

A seguir analisamos aspectos inerentes `a complexidade do ambiente organizacional que podem influenciar diretamente a eficácia da estratégia empresarial. Nesse tópico abordamos a dicotomia entre o que planeja e o que se implementa. Os obstáculos perante incertezas, pressões e stakeholders.

O presente texto sob a forma de ensaio busca relacionar os dois aspectos: complexidade e eficácia estratégica.

Por fim concluímos sobre a dificuldade de se escolher um único caminho recheado de “certezas” e o quanto é importante o aprendizado organizacional.


Palavras-chave


complexidade, estratégia, vantagem competitiva

Texto completo:

PDF

Referências


BARLEY, Stephen R.; KUNDA, Gideon. Bringing work back in. Organization science, v. 12, n. 1, p. 76-95, 2001.

BAUER, Ruben. Gestão da mudança. São Paulo: Atlas, 1999.

BAUMAN, Zygmunt. A sociedade líquida. Folha de S. Paulo, p. 4-9, 2003.

BERNARDI, Luiz Antonio. Manual de plano de negócios: fundamentos, processos e estruturação. Atlas, 2008.

CONCEIÇÃO, V. L. da, Neto. A visão de complexidade de Edgar Morin para o entendimento da verdade nos estudos organizacionais. Convibra, 2014.

DUTRA, Fernando Augusto Ferreira; ERDMANN, Rolf Hermann. Análise do planejamento e controle da produção sob a ótica da Teoria da Complexidade. Prod.[online], v. 17, n. 2, p. 407-419, 2007.

MINTZBERG, Henry. Ascensão e queda do planejamento estratégico. Bookman, 2004.

MINTZBERG, Henry. O Processo da Estratégia-4. Bookman, 2006.

MINTZBERG, Henry; AHLSTRAND, Bruce; LAMPEL, Joseph. Safári da estratégia. Bookman, 2010.

MORIN, Edgar. Introdução ao pensamento complexo. Porto Alegre: Sulina, 2007.

PORTER, Michael E. Competição. Edição revista e ampliada. Rio de Janeiro, Editora Campus, 2009.

RITSON, Graeme; JOHANSEN, Eric; OSBORNE, Allan. Successful programs wanted: Exploring the impact of alignment. Project Management Journal, v. 43, n. 1, p. 21-36, 2012.

WITTMANN, Milton Luiz; LÜBECK, Rafael Mendes; DE MESQUITA NELSIS, Vinicius. Uma visão não-linear sobre estratégia empresarial pelo prisma da complexidade. Revista Pensamento Contemporâneo em Administração, v. 7, n. 4, p. 117-135, 2013.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Pontifícia Universidade Católica de São Paulo / PUC-SP. Rua Monte Alegre, 984. Cep: 05014-901. São Paulo - SP - Brasil. Faculdade de Economia e Administração (FEA), Departamento de Administração. Fone (11) 3670-8147. ISSN 1414-7394.