Tratamento de insuficiência velofaríngea: resultados de fala

Giovana R. Brandão, Maria Cristina Z. Vicente

Resumo


Neste estudo analisamos os resultados de fala obtidos em pacientes portadores de fissura palatina e submetidos a faringoplastia e fonoterapia. A amostra é constituída de dois grupos de pacientes, um deles com cinqüenta indivíduos submetidos à correção cirúrgica da insuficiência velofaríngea com retalho faríngeo de pedículo superior e tratamento fonoaudiológico e o outro com cinqüenta indivíduos submetidos somente à correção cirúrgica. Foram analisadas a inteligibilidade de fala, a ressonância e a articulação, com comparação entre os períodos pré e pós-tratamento.
A comparação dos dados permite concluir que o tratamento fonoaudiológico é de fundamental importância para a evolução da fala nesses indivíduos principalmente para a correção dos distúrbios articulatórios compensatórios.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.