Assessment of auditory processing in children with attention deficit hyperactivity disorder and language-based learning impairments

Mariza R. Feniman, Robert W. Keith, Rebekah Fallis Cunningham

Resumo


Este artigo tem dois objetivos principais. O primeiro é fornecer informação sobre dois testes de desordens do processamento auditivo central, do teste de sentenças com competição e de um teste para desordens do processamento temporal denominado Teste de Fusão Auditiva-Revisado (AFT-R). O segundo objetivo é mostrar resultados desses testes quando aplicados em duas populações. Limiares de fusão auditiva e escores do teste de sentenças com competição de 18 crianças com Déficit de Atenção e Hiperatividade (ADHD) e 17 crianças com problemas de linguagem (LLI) foram investigados usando o AFT-R e o teste de sentenças com competição (CST). Os resultados comparados aos valores normativos publicados previamente. Observou-se diferença significativa entre os grupos com relação aos limiares de fusão auditiva: as crianças com ADHD apresentaram limiares mais pobres (piores) do que as crianças com LLI e as crianças normais. As crianças com ADHS tiveram uma média mais alta (resultados piores) e um desvio padrão maior de limares de fusão auditiva do que os encontrados em crianças normais e naquelas com LLI. Nenhuma diferença significativa foi encontrada entre os dois grupos (ADHD e LLI) no teste de sentenças com competição à direita (CST-R) e com competição à esquerda (CST-L). observou-se diferença significativa de performance entre as crianças normais, as crianças com ADHD e as crianças com LLI nos testes CST-R e CST-L. As implicações clínicas desses resultados são discutidas.

Palavras-chave


desordens do processamento auditivo central, déficit de atenção e hiperatividade, problemas de linguagem, processamento temporal.

Texto completo:

PDF (English)

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.