A bandagem elástica como recurso terapêutico para o controle da sialorreia: análise de sua eficácia

Claudia Sordi, Brenda Lima Araújo, Lavínia Vieira Dias Cardoso, Laura Alves Verena Correia, Géssica Matos de Oliveira, Sinthia Stefanny Souza da Silva, Carla Patrícia Hernandez Alves Ribeiro César

Resumo


Objetivo: Verificar a eficácia da aplicação da bandagem elástica na musculatura supra-hióidea de pacientes com paralisia cerebral. Método: Estudo clínico prospectivo com análise da técnica de aplicações padronizadas de bandagem elástica em musculatura suprahioídea, realizada por oito semanas, consistindo na sua troca por três vezes por semana. Para analisar a eficácia do procedimento, questionários foram aplicados (qualidade de vida, controle de deglutição da saliva, de frequência e gravidade da sialorreia) e foi realizada avaliação do estadiamento da sialorreia em períodos pré e pós-terapias. Foram comparados dois grupos de pacientes, um denominado por espera assistida e outro, experimental, ambos com quatro sujeitos no grupo, divididos igualitariamente entre os sexos, com idades entre quatro e doze anos (9 anos ± 3,55) para o grupo experimental e entre três e sete anos (4,25 ± 1,89) o de espera assistida. A bandagem elástica foi considerada eficaz quando o total de pontos obtidos após o procedimento foi igual ou superior a três pontos. Resultados: Houve diminuição da sialorreia em todos os sujeitos do grupo experimental por meio da aplicação da bandagem elástica e melhora na qualidade de vida, de acordo com seus responsáveis. No entanto, no grupo de espera assistida não foi observado progresso. Conclusão: A eficácia da aplicação da bandagem elástica para o controle da sialorreia foi comprovada no grupo experimental, contribuindo para o conhecimento na área da motricidade orofacial, além de enfatizar a reflexão acerca de procedimentos fonoterapêuticos não invasivos.


Palavras-chave


Fonoaudiologia; Sialorreia; Ensaio clínico

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-2724.2017v29i4p663-672

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.