Proposta de apresentação da classificação dos transtornos de linguagem oral no adulto e no idoso

Bárbara Costa Beber

Resumo


Introdução: Indivíduos adultos e idosos acometidos por lesões ou disfunções do Sistema Nervoso Central podem apresentar como consequência quadros diversos de transtornos de linguagem. Definir o tipo de transtorno de linguagem que ocorre em cada paciente tem grande relevância clínica e científica. A literatura descreve variados tipos de transtornos de linguagem oral, porém não apresenta um sistema de classificação com o maior número possível de tipos de transtornos de linguagem. Objetivo: Propor uma forma de apresentação abrangente da classificação dos transtornos de linguagem oral que podem ocorrer em adultos e idosos. Método: Revisão não sistemática de literatura. A apresentação dos transtornos de linguagem foi realizada a partir do agrupamento dos diversos tipos de transtornos de linguagem já descritos na literatura, mas com taxonomia organizada considerando critérios como a manifestação linguística e etiologia. Resultados: Os tipos de transtornos de linguagem oral que acometem a população em questão foram classificados em três grandes categorias, os transtornos de linguagem afásicos, os transtornos de linguagem não afásicos, e os transtornos cognitivos da comunicação. O grupo de transtornos de linguagem afásicos recebeu uma subclassificação própria. Conclusão: A utilização desta classificação poderá auxiliar a comunicação entre os profissionais, permitir a caracterização dos pacientes e facilitar o raciocínio clínico. É esperado que o avanço científico na área acarrete em mudanças na classificação destas condições e no próprio paradigma de estabelecimento dos diagnósticos médico e fonoaudiológico.


Palavras-chave


Classificação; Transtornos da linguagem; Afasia; Comunicação; Lesões encefálicas

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-2724.2019v31i1p160-169

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.