Distúrbio de voz relacionado ao trabalho: resgate histórico

Léslie Piccolotto Ferreira, Alice Penna de Azevedo Bernardi

Resumo


Este texto tem como objetivo resgatar o histórico das discussões que culminaram com a elaboração do documento denominado Distúrbio de Voz Relacionado ao Trabalho. O início do processo foi marcado pela solicitação de parecer de um ofício encaminhado pelo Conselho Federal de Fonoaudiologia que apresentava critérios otorrinolaringológicos e fonoaudiológicos para definir afastamento ou readaptação de função decorrente de alteração de voz. Na sequência, em vários seminários, promovidos pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, foi possível aprofundar a discussão sobre a temática que culminou, por meio da iniciativa do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de São Paulo, na redação do referido documento. Este serviu de base para a elaboração de um protocolo destinado a todos os profissionais de saúde da rede do Sistema Único de Saúde, nos seus três níveis de atenção, e a outros que lidam com os diversos aspectos decorrentes dos distúrbios de voz com vistas à inclusão do Distúrbio de Voz Relacionado ao Trabalho na lista dos agravos à saúde de notificação compulsória previsto pela Portaria nº 777 de 28/04/2004.

Palavras-chave


voz; distúrbios de voz; promoção de saúde; prevenção de doenças

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.