Efeitos do envelhecimento na função coclear

Lucila L. Calais, Alda C. L. de C. Borges, Giovana S. Baraldi, Laís C. de Almeida

Resumo


Introdução: à medida que o indivíduo envelhece, todos os seus órgãos sofrem múltiplas transformações orgânicas e a deterioração da função auditiva revela-se como um dos mais frustrantes déficits sensoriais. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do envelhecimento na função coclear. Material e método: foram avaliados 50 idosos, com idade entre 61 e 90 anos, sendo 8 homens e 42 mulheres, com audiometria de configuração descendente simétrica. Os pacientes foram submetidos à avaliação audiológica básica, emissões otoacústicas transientes e por produto de distorção. Resultados: a idade interferiu nos limiares de audibilidade para tom puro e as mulheres apresentaram melhores limiares. Nas emissões otoacústicas transientes e por produto de distorção, observou-se interferência do envelhecimento nos resultados obtidos e as mulheres foram as únicas a apresentar respostas nas emissões otoacústicas transientes. Conclusão: a idade influenciou negativamente na função auditiva em ambos os sexos, modificando o funcionamento do órgão auditivo com o passar dos anos, sendo maior o impacto da deterioração nos homens.

Palavras-chave


envelhecimento; presbiacusia; testes auditivos; idoso; percepção auditiva.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.