A Importância da Tradução Literal no Processo de Aprendizagem do Inglês como Língua Estrangeira

Rui Manuel Cruse

Resumo


As pesquisas relacionadas com a aprendizagem de línguas estrangeiras têm se concentrado quase que exclusivamente nos traços linguísticos do produto final em oposição aos processos cognitivos que subjazem a aprendizagem da língua. O principal objetivo deste trabalho é identificar e analisar qualitativamente uma estratégia comunicativa muito comum – tradução literal – produzida por aprendizes de língua estrangeira (falantes nativos de português) por meio do protocolo verbal. Em outras palavras, por meio da participação dos próprios aprendizes é possível desenvolver um conhecimento mais profundo dos processos cognitivos envolvidos na produção da tradução literal. A produção do discurso medida pelo protocolo verbal – auto-observação retrospectiva retardada – foi obtida por meio de uma técnica de pesquisa diferente: tarefa de identifi cação de conceito – por meio da qual o informante tinha de comunicar ao seu interlocutor alguns conceitos lexicais abstratos e concretos. A pesquisa envolveu 15 sujeitos adultos brasileiros, aprendizes de inglês como língua estrangeira em nível básico e, também, 15 interlocutores, todos eles professores de uma Universidade privada, localizada na Grande Porto Alegre (RS).

Palavras-chave


tradução literal; protocolos verbais; tarefa de identifi cação de conceito; estratégia comunicativa

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexicadores

Apoio

A Revista The Especialist e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Lincença Creative Commons: Atribuição 4.0 Internacional (CC BY 4.0)