Imagens e imaginação nos saberes do Ocidente na Idade Moderna

Marina Massimi

Abstract


O artigo aborda a função e atuação do dinamismo psíquico na recepção da imagem, segundo as teorias filosóficas disponíveis no universo cultural do período clássico, da Idade Média e da Idade Moderna no Ocidente, inclusive no Brasil. Evidencia a importância destes alicerces para as discussões acerca dos conceitos de imagem e imaginação na modernidade e também para suas aplicações no âmbito da retórica. Neste âmbito, destaca, no Brasil, a contribuição do jesuíta Antônio Vieira. Mostra que nessas teorias, o funcionamento do fenômeno psíquico da imaginação é tomado de modo integrado aos demais processos, dos sentidos, da memória e do entendimento, dos afetos e da vontade; que é elemento indispensável no percurso do conhecimento; e que sempre é referido à imagem em suas múltiplas dimensões sugeridas pelo específico universo cultural.

Full Text:

PDF

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM