Perfil audiológico e caracterização das principais queixas de homens e mulheres entre 65 e 95 anos de idade

Tereza Bilton Signorini, Marisa Frasson Azevedo, Simone Ebel

Resumo


Este trabalho tem como objetivo descrever os sintomas e queixas mais freqüentes e caracterizar o perfil audiológico de pacientes idosos. Foram avaliados 68 indivíduos de 65 a 95 anos, sendo 21 (30,8%) do sexo masculino e 47 (69,2%) do sexo feminino. A população foi dividida em 4 grupos: Grupo I (homens de 65 a 79 anos), Grupo II (mulheres de 65 a 79 anos), Grupo III (homens de 80 a 95 anos), Grupo IV (mulheres de 80 a 95 anos).
Em 50 sujeitos foi realizada avaliação subjetiva das queixas e sintomas para conversação em ambiente ruidoso. A dificuldade para conversação em ambiente ruidoso, à distância, ao telefone e em grupo foram as mais freqüentes. 68 sujeitos foram avaliados audiologicamente. Os limiares de audibilidade obtidos nas freqüências de 250 a 8000 Hz foram acumulados de acordo com a ocorrência e distúrbios em quadros levando-se em conta as variáveis sexo e idade. A estatística obtida através do cálculo da mediana dos limiares permitiu estabelecer a faixa interquartil (entre Q1 e Q3) na qual se encontra 50% da distribuição. Este estudo comparativo demonstrou diferenças estatisticamente significantes entre os limiares de audibilidade dos homens e das mulheres. A curva audiométrica obtida nos homens revelou perda auditiva mais abrupta nas freqüências agudas. Com relação à idade, também foi obtida diferença estatisticamente significante entre os grupos de 65 a 79 anos e os grupos de 80 a 95 anos, revelando um grau de perda mais elevado no grupo mais idoso.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




A revista Distúrbios da Comunicação e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em https://revistas.pucsp.br/dic. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em https://revistas.pucsp.br/dic.