Estudo Exploratório a Pesquisas Referentes à Educação Matemática Crítica: um Enfoque Reflexivo no Ensino Fundamental
Exploratory Research Study on Critical Mathematics Education: a Reflective Approach in Elementary School

Mariana dos Santos Cezar, Samuel Rocha de Oliveira, Rodolfo Chaves

Resumo


Resumo

Este artigo tem por objetivo refletir sobre como a Educação Matemática Crítica tem sido discutida em processos de ensino e na prática pedagógica de professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Para tal, apresenta um estudo exploratório realizado a partir do mapeamento de produções científicas brasileiras que abordaram o ensino da Matemática na perspectiva crítica. Foram analisados 174 trabalhos, entre artigos, dissertações e teses do Banco Nacional de Teses da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e da Scientific Library Electronic Online (SciELO), no período de 2002 a 2019. Esses trabalhos foram categorizados conforme sujeitos/focos da pesquisa. A partir dessa organização, identificamos os níveis de escolaridade em que o ensino da Matemática sob uma perspectiva crítica é discutido com mais frequência, o que possibilitou fomentarmos reflexões a respeito da necessidade de realizarmos pesquisas sobre essa temática nos níveis com menor frequência. Para a análise interpretativa, apresentação de resultados e levantamento de discussões sobre a temática nos anos iniciais, foram selecionados 11 trabalhos. Os resultados mostraram que existe uma tendência em relacionar a Educação Matemática Crítica com atividades que discutem Modelagem Matemática ou Matemática Financeira. Além disso, no ensino com perspectiva crítica, o diálogo é posto como padrão de comunicação indispensável ao processo de investigação e reflexão coletiva, uma vez que promove o desenvolvimento da autonomia e a formação da cidadania crítica.

Palavras-chave: Educação matemática crítica, Estudo exploratório, Revisão bibliográfica, Anos iniciais do ensino fundamental.

 

Abstract

This article aims to reflect on how critical mathematics education has been discussed in teaching processes and in the pedagogical practice of teachers in the early years of elementary school. For this purpose, it presents an exploratory study based on the mapping of Brazilian scientific productions that addressed teaching of mathematics in the Critical Perspective. 174 papers were analyzed, including articles, dissertations and theses from the National Bank of theses from the Coordination of the Improvement of Higher Education Personnel (Capes) and from the Scientific Library Electronic Online (SciELO) in the period from 2002 to 2019. These works were categorized according to the subjects/focus of the research based on this organization. We identified the educational levels in which teaching mathematics from a critical perspective is discussed more frequently, which made it possible to foster reflections on the need to conduct research on this theme in levels less frequently. For interpretative analysis, presentation of results and survey of discussions on the theme in the early years of elementary school, we selected 11 papers. The results showed that there is a tendency to relate Critical Mathematics Education to activities that discuss Mathematical Modeling or Financial Mathematics.  Critical perspective, dialogue is seen as an indispensable communication pattern for the collective investigation and reflection process, as it promotes the development of autonomy and the formation of critical citizenship.

Keywords: Critical mathematics education, Exploratory study, Literature review, Early years elementary school.

 

Resumen

Este artículo busca reflexionar sobre lo que la educación matemática crítica ha sido discutida en los procesos de enseñanza y aprendizaje y en la práctica pedagógica de los docentes en los primeros años de la escuela primaria. Para ello, presenta un estudio exploratorio a partir del mapeo de producciones científicas brasileñas la enseñanza de las matemáticas en la Perspectiva Crítica. Se analizaron 174 trabajos, incluyendo artículos, disertaciones y tesis del Banco Nacional de Tesis de la Coordinación de la Mejora del Personal de Educación Superior (Capes) y de la Scientific Library Electronic Online (SciELO) en el período 2002 a 2019. Estos trabajos fueron categorizados de acuerdo a los temas/foco de investigación con base en esta organización, identificando los niveles educativos en los que se discute con mayor frecuencia la enseñanza de las matemáticas desde una perspectiva crítica, lo que permitió a comentar reflexiones sobre la necesidad de realizar investigaciones sobre este tema en niveles menos frecuentes. Para análisis interpretativo, presentación de resultados y relevamiento de discusiones sobre el tema en los primeros años de la escuela primaria, seleccionamos 11 trabajos. Los resultados mostraron que existe una tendencia a relacionar la Educación Matemática Crítica con actividades que discuten Modelo Matematico o Matemática Financiera. Y, además, en la enseñanza con perspectiva el diálogo crítico se coloca como un estándar comunicativo indispensable para el proceso de investigación y reflexión colectiva, ya que promueve el desarrollo de la autonomía y la formación de una ciudadanía crítica.

Palabras clave: Educación matemática crítica, Estudio exploratorio, Revisión bibliográfica, Primeros años de la escuela primaria.


Texto completo:

PDF

Referências


Alro, H., & Skovsmose, O. (2010). Diálogo e Aprendizagem em Educação Matemática. Autêntica Editora.

Amaral, N. (2012). Meta-análise de dissertações brasileiras de 2007 a 2010: aritmética Educação Matemática Crítica [Dissertação de Mestrado em Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo]. https://sapientia.pucsp.br/handle/handle/10950.

Bardin, L. (2011). Análise de conteúdo. Edições.

Biotto filho, D. (2008). O desenvolvimento da matemacia no trabalho com projetos [Dissertação de Mestrado em Educação Matemática, Universidade Estadual Paulista]. https://repositorio.unesp.br/handle/11449/91069.

Borges, M. E. O. (2009). Escola, educação matemática e cultura juvenil. [Dissertação de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática, Universidade Cruzeiro do Sul]. https://catalogodeteses.capes.gov.br/catalogo-teses/#!/.

Carrijo, M. H. S. (2014). Formação para a cidadania: análise de pesquisas na perspectiva da Educação Matemática Crítica. [Dissertação de Mestrado em Educação em Ciências e Matemática, Universidade Federal de Goiás]. https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1746128.

Chiarello, A. P. R. (2014). Educação financeira crítica: novos desafios na formação continuada dos professores. [Dissertação de Mestrado em Educação, Universidade Comunitária da Região de Chapecó]. https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=1324384.

Faustino, A. C. (2018). "Como você chegou a esse resultado?" o diálogo nas aulas de Matemática dos anos iniciais do Ensino Fundamental. [Tese de Doutorado em Educação Matemática, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho]. https://repositorio.unesp.br/handle/11449/180358.

Freitas, W. S. de. (2013). A matematização crítica em projetos de modelagem. [Tese de Doutorado em Educação: Conhecimento e Inclusão Social, Universidade Federal de Minas Gerais]. https://repositorio.ufmg.br/handle/1843/BUOS-99JGQV.

Gil, A. C. (2006). Métodos e Técnicas de pesquisa social. Atlas.

Lipp, T. H. P. (2009). Estudo do desenvolvimento de competências críticas e reflexivas a partir de uma Unidade de Aprendizagem em aulas de Matemática. [Dissertação de Mestrado em Educação em Ciências e Matemática, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul]. http://repositorio.pucrs.br/dspace/bitstream/10923/3058/1/000418908-Texto%2BCompleto-0.pdf.

Oliveira, A. A. (2017). Educação Financeira nos anos iniciais do Ensino Fundamental: como tem ocorrido na sala de aula? [Dissertação de Mestrado em Educação Matemática e Tecnológica, Universidade Federal de Pernambuco]. https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/32214.

Ramos, E. E. L. (2011). Propondo práticas e desafiando certezas: um estudo em turma do PROEJA numa perspectiva de Educação Matemática Crítica. [Tese de Doutorado em Educação Científica e Tecnológica, Universidade Federal de Santa Catarina]. https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/95922.

Ronchetti, W. A. (2018). Os registros de representação semiótica na aprendizagem das grandezas massa e comprimento por meio de uma atividade de modelagem na perspectiva sociocrítica. [Dissertação de Mestrado em Educação em Ciências e Matemática, Instituto Federal do Espírito Santo]. https://repositorio.ifes.edu.br/handle/123456789/397.

Sá, I. P. de. (2012). A Educação Matemática Crítica e a Matemática Financeira na formação de professores. [Tese de Doutorado em Educação Matemática, Universidade Bandeirante de São Paulo]. https://repositorio.pgsskroton.com.br/bitstream/123456789/3566/1/ILYDIO%20PEREIRA%20DE%20S%C3%81.pdf.

Silva, C. A. N. da. (2013). Os projetos de investigação nas aulas de matemática em Escolas Ribeirinhas na Ilha de Cotijuba. [Dissertação de Mestrado em Educação em Ciências e Matemática, Universidade Federal do Pará]. http://repositorio.ufpa.br/jspui/bitstream/2011/4560/1/Dissertacao_ProjetosInvestigacaoAulas.pdf.

Silva, R. M. da. (2016). Cenários para investigação de temas de educação financeira em uma escola pública de Duque de Caxias. [Dissertação de Mestrado em Ensino das Ciências na Educação Básica, Universidade do Grande Rio]. http://tede.unigranrio.edu.br/handle/tede/278.

Silva, A. D. (2018). Atividades de educação financeira em livro didático de matemática: como professores colocam em prática? [Dissertação de Mestrado em Educação Matemática e Tecnologias, Universidade Federal de Pernambuco]. https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/32841.

Skovsmose, O. (2008). Desafios da reflexão em educação matemática crítica. Papirus.

Skovsmose, O. (2014). Um convite à educação matemática crítica. Papirus.

Soares, D. A. (2008). Educação Matemática Crítica: contribuições para o debate teórico e seus reflexos nos trabalhos acadêmicos. [Dissertação de Mestrado em Educação Matemática, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo]. https://sapientia.pucsp.br/handle/handle/11352.

Teres, S. L. L. (2014). Em direção à educação matemática crítica: a análise de uma experiência de modelagem pautada na investigação e no uso da tecnologia. [Dissertação de Mestrado em Educação, Universidade do Vale do Itajaí]. https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/194039.




DOI: https://doi.org/10.23925/1983-3156.2020v22i3p457-484

Direitos autorais 2021 Educação Matemática Pesquisa : Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

INDEXADORES DA REVISTA
     
             Anti-Plágio