What the perspective of the elderly in relation to HIV / AIDS?<br>Qual a perspectiva da pessoa idosa em relação ao HIV/AIDS?

Autores

  • Claudia Lysia Oliveira de Araújo
  • Ana Cristina Silva Monteiro

DOI:

https://doi.org/10.23925/2176-901X.2013v16iEspecial15p261-272

Palavras-chave:

Envelhecimento, Sexualidade, AIDS, Enfermagem

Resumo

A epidemia de Vírus da Imunodeficiência Humana/Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (HIV/AIDS) em idosos no Brasil tem-se configurado como um real problema de saúde pública. Quando nos reportamos ao envelhecimento e à AIDS não podemos deixar de considerar a sexualidade das pessoas idosas. O objetivo da pesquisa foi caracterizar e identificar, através do ponto de vista do envelhecimento, o conhecimento e o sentimento das pessoas idosas diante de um acometimento pelo vírus HIV/AIDS. A metodologia do estudo foi descritiva, com análise quantitativa descritiva. Os resultados deste estudo permitem afirmar que os idosos dispõem de um certo conhecimento acerca do vírus HIV/AIDS, mas que apenas 22,2% dessas pessoas idosas fazem uso de preservativos. Conclui-se que as campanhas de prevenção parecem não estar chegando de forma efetiva até os idosos, pois sabemos que muitos deles têm vida sexual ativa com mais de uma parceira inclusive, mas sem os cuidados recomendados. As campanhas oficiais de prevenção e as ações das equipes de enfermagem devem dispensar atenção especial a esse fato e intensificar as informações, para que os idosos possam compreendê-las devidamente e aderir aos meios de prevenção a essa morbidade.

Downloads