A presença de idosos num serviço de emergência: campo de saúde ou campo de guerra?

Renata dos Santos Alves, Esalba Maria Carvalho Silveira

Resumo


Este estudo buscou conhecer as necessidades em saúde dos idosos e a configuração dos processos de trabalho para responder a tais requisitos, num serviço de emergência. Foi uma pesquisa qualitativa, descritiva, utilizando entrevistas semi-estruturadas e grupo focal - estratégia do mapa-falante. Familiares e trabalhadores destacaram as necessidades de cuidado, privacidade, afeto e acesso aos serviços de saúde, e que as condições de trabalho, ainda que adversas, assim como o maior tempo de permanência, procuram responder às necessidades em saúde dos idosos.

 


Palavras-chave


Necessidades em Saúde; Idosos; Serviços Hospitalares de Emergência.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2014v17i1p297-319

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.