Percepção do idoso diabético sobre o papel da família no tratamento

Renata Borsaro Monteiro de Souza, Sergio Henrique de Souza Alves

Resumo


O objetivo da pesquisa foi conhecer a percepção dos idosos diabéticos acerca da participação da família em seu tratamento. Participaram seis idosos que responderam a uma entrevista semiestruturada. Constataram-se maiores dificuldades em relação à adesão alimentar e ao exercício físico. Foi observada a importância do envolvimento familiar no alcance do controle glicêmico e na qualidade de vida dos entrevistados, e que a família necessita ser apoiada para que consiga desempenhar o papel de diligente.

 


Palavras-chave


Diabetes tipo 2; Tratamento; Família.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2016v19i2p349-370

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.