Qualidade de vida: comparação entre idosos de uma comunidade brasileira e idosos institucionalizados

Ewerton Naves Dias, José Luís Pais-Ribeiro

Resumo


O objetivo deste estudo foi comparar a qualidade de vida entre idosos que vivem em uma comunidade brasileira, e idosos que vivem em instituições de longa permanência (ILPI). Trata-se de um estudo comparativo, transversal e quantitativo. Os idosos institucionalizados apresentaram escores menores estatisticamente significativos em todos os domínios de qualidade de vida, quando comparados aos idosos que vivem em comunidade. Viver em uma instituição de longa permanência para idosos parece ser um fator que compromete a qualidade de vida dos idosos que lá vivem.

 


Palavras-chave


Qualidade de Vida; Envelhecimento; Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI).

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/2176-901X.2018v21i1p37-54

Kairós está indexada em:

Bases de dados e Repositórios de periódicos com texto completo:


Catálogo de Bibliotecas:

Bibliotecas:

Diretório de Políticas Editoriais:

Associada:

ISSN 2176-901X

A Revista Kairós e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/kairos. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/kairos.