CURRÍCULO, INTERDISCIPLINARIDADE E O PENSAMENTO SISTÊMICO NOVO-PARADIGMÁTICO COMO INOVAÇÃO NO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

Rosa Maria Furlani, Elaine Ribeiro De Oliveira

Resumo


Muito embora a escola não tenha condições de transmitir toda a cultura de uma sociedade é no processo formativo que se verifica o ensino de um conjunto de conhecimentos, inclusive aqueles que permitem o avanço científico. O currículo representa aquilo que professores e estudantes fazem com conhecimento e tem de ser visto em suas ações e em seus efeitos, caracterizando uma identidade. Nesse processo, é preciso ir além das fronteiras das disciplinas e promover a interdisciplinaridade, caracterizada pela intensidade das trocas entre os especialistas e grau de interação no interior de um mesmo projeto, caminhando rumo à complexidade das relações estabelecidas no mundo contemporâneo: social, política, econômica, negócios, cultural, enfim, numa nova vertente intitulada “pensamento sistêmico novo-paradigmático”. Neste estudo de cunho qualitativo e descritivo, procurou-se rever a literatura sobre os temas currículo, interdisciplinaridade e complexidade, além de avaliar o resultado de pesquisas recentes que contemplaram o ensino no curso de Administração e sua relação com os temas centrais. A despeito das limitações deste estudo, ficou evidenciada a emergência de novas pesquisas sobre o tema e da implantação de projetos, programas e políticas que efetivamente comprometam-se com um processo de mudança voltado para a melhoria da qualidade dos cursos de Administração.


Palavras-chave


Currículo. Interdisciplinaridade. Complexidade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: