UTILIZAÇÃO DE MATRIZES DE IMPACTO CRUZADO PARA CONSTRUÇÃO DE CENÁRIOS: O CASO DO MERCADO INTERNACIONAL PARA O AÇÚCAR E O ÁLCOOL BRASILEIROS

Eduardo Fernandes Pestana Moreira

Resumo


A elaboração de cenários para análise prospectiva, seja dentro de uma organização, seja num setor econômico ou país, quase sempre esbarra em duas dificuldades. Em primeiro lugar, analisar sistemas que são influenciados por um grande número de variáveis, muitas vezes qualitativas e correlacionadas entre si, coloca-nos a questão de escolher um subconjunto que tenha capacidade de explicação e ao mesmo tempo seja reduzido o suficiente para não levantarmos um número de cenários tão grande que não nos permitiria fazer a análise. Em segundo lugar, muitas vezes o número de atores intervenientes no sistema é grande e eles podem apresentar influência entre si, o que dificulta determinar quais são os atores que realmente influenciam o sistema em análise. Este artigo procura mostrar a utilização das matrizes de impactos cruzados, através de ferramenta desenvolvida no Conservatoire National des Arts e Métiers, Paris, para o estudo do potencial de exportação da agroindústria sucro-alcooleira do Brasil. Com a utilização desta ferramenta operamos a redução do número de variáveis intervenientes no sistema a um conjunto reduzido e avaliamos a forca relativa e o posicionamento dos atores mais importantes, o que permitiu num segundo momento a construção de um número pequeno de cenários alternativos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2018 Pensamento & Realidade

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

e-ISSN: 2237-4418
ISSN Impresso: 1415-5109

Indexado em: